Foi aprovada pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), a Carteira Nacional de Habilitação Eletrônica (CNH-e). A Resolução  nº 687/2017, que altera a Resolução 598/2016, foi publicada nesta quarta-feira (16/08) no Diário Oficial da União.

 

Em vigor a partir de fevereiro de 2018, a nova CNH digital chega para facilitar o dia a dia dos motoristas que além do documento físico, terá o arquivo virtual podendo acessá-lo através de um aplicativo para smartphones.

 

A autenticidade da CNH digital poderá ser comprovada pela assinatura com certificado digital do emissor ou com a leitura de um QRCode.

 

Segundo informações do Ministério das Cidades, a habilitação de papel, por enquanto, não vai deixar de existir. “A carteira de habilitação impressa continua valendo, mas a tendência é que cada vez mais se opte pela carteira digital, que é muito mais prática a sua portabilidade”, disse o ministro Bruno Araújo.

 

O Estado de Goiás será o primeiro a usar o sistema, como teste, a partir de 30 de setembro.

 

FONTE: Equipe Técnica COAD

Categorias: Contabilidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados

Contabilidade

ICMS – RJ Rio de Janeiro prorroga o prazo para recadastramento de benefícios fiscais

Foi publicada no DO-RJ de hoje, 3-8, a Lei 7.657, de 2-8-2017, que prorroga, para até 31-8-2017, o prazo para recadastramento de benefícios e incentivos fiscais no Estado do Rio de Janeiro, cujos procedimentos devem observar o Manual Leia mais…

Contabilidade

RESOLUÇÃO 109 SEFAZ, DE 4-8-2017 (DO-RJ DE 7-8-2017)

CERTIDÃO DE REGULARIDADE FISCAL – Emissão Fazenda institui o sistema eletrônico de emissão de certificado de regularidade fiscal   O SECRETÁRIO DE ESTADO DE FAZENDA E PLANEJAMENTO, no uso de suas atribuições conferidas pelo inciso Leia mais…

Contabilidade

Publicada nova consolidação das normas sobre a restituição e compensação de tributos federais

A Receita Federal publicou no Diário Oficial da União de hoje, 18-7, a Instrução Normativa 1.717/2017, que, mediante revogação da IN 1.300/2012 e suas alterações, disciplina, dentre outras, a restituição e a compensação de quantias recolhidas Leia mais…